segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Electro: Palio elétrico já pode ser adquirido em Minas Gerais a partir de R$52.900!


A Electro é uma empresa criada pelo engenheiro Maurício dos Santos Anjo que converte em carro elétrico alguns modelos da Fiat no Brasil.
Situada em Uberaba – MG, a Electro desenvolveu um projeto de carro elétrico viável e de baixo custo para os modelos Palio, Palio Weekend, Siena e Strada.
Mais um projeto de carro elétrico para o futuro? Nem pensar. A Electro já comercializa seus modelos elétricos e o melhor, já estão autorizados e certificados oficialmente.
electro palio 2 Electro: Palio elétrico já pode ser adquirido em Minas Gerais a partir de R$52.900!
Maurício decidiu desenvolver o projeto depois de inúmeras promessas não cumpridas pela Fiat, que sempre prometia lançar ano após ano, modelos elétricos no mercado nacional. Assim, Maurício cansou de esperar e arregaçou as mangas no projeto Electro.
Electro Palio
Para converter o Palio e outros Fiat em carro elétrico, Maurício levou em consideração o custo de manutenção dos mesmos.
Ele quis desenvolver um modelo elétrico que tivesse o menor custo de manutenção possível e essa é o objetivo secundário da Electro, visto que a redução dos poluentes é a meta principal e já atingida. Afinal, o carro elétrico não emite CO2 na atmosfera.
A conversão não é barata, mas em relação aos futuros carros elétricos que poderão chegar ao mercado, ele se torna a opção mais barata. Um Palio Fire Economy duas portas, transformado em elétrico pela Electro custa aproximadamente R$52.900.
electro palio 3 Electro: Palio elétrico já pode ser adquirido em Minas Gerais a partir de R$52.900!
Esse valor fica bem abaixo do Reva i, modelo indiano vendido pela CAM Brasil por equivalente a R$70.000. A vantagem do Electro Palio sobre o indiano é enorme, visto que se trata de um carro já provado e de manutenção barata. A Weekend da Itaipú-Fiat custa em torno de R$143.000!
Convertido, o Electro Palio atinge velocidade máxima de 93 km/h e tem autonomia média de 70 km (Moura monobloco), embora possa chegar aos 90 km.
As baterias são de chumbo-ácido da Moura, podendo ser a comum ou a monobloco, que tem vida útil de seis anos. Com elas, o porta-malas do Palio perde 90% de seu espaço. No Siena, o volume interno fica com apenas 240 litros. Há também a opção para baterias de lítio, mas a Electro não recomenda pelo elevado custo e restrições técnicas.
electro palio 4 Electro: Palio elétrico já pode ser adquirido em Minas Gerais a partir de R$52.900!
O Electro Palio pode ser carregado na tomada (110V ou 220V) por até 10 horas, sendo recomendado sempre manter uma boa carga nas mesmas para maior vida útil.
O motor elétrico é da Siemens e requer manutenção a cada dois anos, a um custo de R$90 em cada revisão e assistência em todo o país. Para manter o custo baixo, a transmissão original é mantida.
Na conversão, Maurício aproveita ao máximo as peças originais do veículo, vendendo a base de troca as peças que forem dispensadas para reduzir o custo de transformação para o cliente (R$29.000).
A conversão pode ser parcelada, assim como o veículo, sendo que o prazo máximo de entrega varia entre 21 e 30 dias. Além disso, opcionais como DVD, comando de voz, GPS, entre outros, podem ser adquiridos. A Electro tem capacidade para converter 20 automóveis por mês.
O Electro Palio pode também receber direção hidráulica e ar condicionado. Cada um custando apenas R$1.000 a mais. Bem diferente do que cobram as montadoras no país.
electro palio 5 Electro: Palio elétrico já pode ser adquirido em Minas Gerais a partir de R$52.900!
Como anda?
O Electro Palio possui transmissão mecânica de cinco marchas original da Fiat e apenas motor elétrico, sistemas eletrônicos e baterias são partes da conversão.
Por isso, para andar no Palio elétrico da Electro é necessário sair na segunda marcha, devido ao alto torque oferecido pelo motor elétrico.
Se sair em primeira, o veículo vai patinar. Além disso, como todo carro elétrico, a aceleração inicial é bem rápida e em quinta marcha se consegue chegar aos 93 km/h. Com outra transmissão adaptada para o veículo elétrico é possível chegar aos 120 km/h, mas novamente o custo será maior.
Para mudar as marchas é necessário acelerar na hora da troca para que o motor elétrico fique ligado e continue movendo o veículo. Em semáforos ou parado, o motor fica desligado e o consumo de energia é nulo.
A Electro divulga que o custo por km rodado é muito baixo, sendo que em São Paulo, por exemplo, tal valor é de R$0,03 por km. Assim, rodando uma média de 50 km por dia, o proprietário do Electro Palio vai gastar apenas R$1,50 diariamente.
Com esse valor, hoje em dia, não se consegue andar nem de ônibus, quanto mais rodar de carro e ainda por cima obter alguns benefícios fiscais ou legais dependendo da região.
O Electro Palio já está disponível e a empresa realiza test drive para os interessados apenas em Uberaba – MG. Devido às características do projeto, apenas carros da Fiat são convertidos no padrão citado, visto que outros modelos poderão ter um custo muito elevado por estarem fora do projeto.
empresa divulga o modelo em seu site e ainda dá detalhes bastante minuciosos sobre todo o processo de conversão, aquisição, legislação, etc, para os interessados.
Agradecemos a Electro pelas informações fornecidas.

SITES DA EMPRESA

http://www.cecotein.com.br/electro/index2.php
http://www.electro.net.br/index2.php

0 comentários:

Postar um comentário

Curta Facebook

GRÁTIS: Receba Novidades de EnergiaLivre em seu e-mail

Digite seu e-mail:

 

Postagens populares: